SINJUSC e CTB juntos no enfrentamento à reforma da previdência

O SINJUSC se reuniu nesta semana com representantes da Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB) buscando apoio aos pleitos da categoria. Como prioridade, foi destacado o enfrentamento à reforma da previdência do governador Carlos Moisés. Um ato está marcado para terça-feira, dia 4 de fevereiro, às 13h, na Assembleia Legislativa de Santa Catarina (Alesc).

A mobilização, que está sendo chamada também pela Central, diversos sindicatos e pelo Fórum de Lutas em Defesa dos Direitos, vai reunir servidores municipais, estaduais e federais. Este é o segundo ato unificado contra a reforma, o primeiro ocorreu no dia 4 de dezembro e os trabalhadores ocuparam as galerias do Plenário da assembleia em protesto.

O dia 4 foi escolhido como estratégico porque é quando os parlamentares voltam aos trabalhos legislativos e também porque, conforme protocolo da Alesc, o governador deve estar presente para a leitura de mensagem oficial.

A reforma da previdência foi pensada para retirar Direitos. Diga Não. Se mobilize! Participe! Defenda sua aposentadoria!

Servidor, informe-se! Mobilize-se!

O SINJUSC, assim como o inúmeros sindicatos e federações, se mantem firme na luta contra os ataques ao funcionalismo público. Mas é preciso que haja efetivo envolvimento dos servidores. Faz-se inadiável a mobilização e organização da categoria. Uns dos vários caminhos é a informação e, por isso, o SINJUSC tem apostado nesta. Diversos conteúdos online, palestras e Sinformes estão disponíveis para leitura e formação. Se você ainda leu sobre a reforma, ainda dá tempo de conferir aqui.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *