Em defesa da aposentadoria, SINJUSC convoca mobilização na Alesc, dia 04/02

0
427

O SINJUSC convida toda a categoria para mobilização contra a reforma da previdência na Alesc, dia 4 de fevereiro (terça-feira), a partir das 13h. Para tentar barrar o projeto, o Sindicato somou forças com outras categorias para fazer um grande ato neste dia.

No dia, ocorrerá a abertura dos trabalhos legislativos no ano e a leitura da mensagem do governador. Os servidores esperam que o governador se faça presente e cumpre o mínimo que se espera de governante: ouvir a população.

Um ano de mandato se passou e a única coisa que Carlos Moisés deu aos trabalhadores, foi as costas quando apresentou o projeto sem nenhum tipo de diálogo com a sociedade.

Como o SINJUSC vem noticiando sistematicamente em seus mais diversos canais de comunicação, a reforma vem para retirar Direitos. Pelo texto apresentado, os servidores públicos terão que trabalhar por mais tempo, contribuir por mais anos e como não bastasse, terão os valores de suas aposentadorias e pensões reduzidas. Alertamos sobre isso aqui e aqui.

O servidor público é colocado como o pivô dos gastos públicos e responsabilizado por uma gestão ineficiente e preocupada apenas em agradar alguns setores econômicos. Logo, sempre que as contas apertam de algum lado, os governos correm propagar que os gastos com a folha do funcionalismo público estão no limite e que é preciso “economizar”.

Aqui em Santa Catarina, em 2015, a retórica foi usada para reformar a aposentadoria do funcionalismo público e aumentar as alíquotas de 11% para 14%, progressivamente. Segundo os governantes, isso supriria o déficit previdenciário. Não resolveu e quatro depois, novamente quem paga a conta da ineficiente gestão do Estado, é a classe trabalhadora.

O SINJUSC nunca aceitará nenhuma reforma que anule direitos conquistados e por isso, reforça a importância da presença de todos na Alesc, dia 4. Se informe, participe, converse com seu colega e se mobilize. Defenda sua aposentadoria!

 

DEIXE UMA MENSAGEM

Please enter your comment!
Please enter your name here