Órgão Especial indefere e arquiva ação de isenção sobre IR

0
661

Conforme noticiado na página do SINJUSC dia 1º de agosto, a Direção do Sindicato esteve presente hoje (07/08), juntamente com a Assessoria Pita Machado, na sessão do Órgão Especial que deliberou sobre os autos 0119799-09.2014.8.24, de relatoria do Desembargador José Carlos Carstens Kohler, sobre a não incidência de Imposto de Renda sobre verbas indenizatórias aos magistrados.

Processo da Associação dos Magistrados Catarinenses – AMC, o pedido foi feito à época em que havia jurisprudência do STJ favorável à tese de isenção de IR sobre terço de férias, por considerar que a verba detinha natureza indenizatória.

Entretanto, o relator salientou que a jurisprudência do STJ mudou, e, diante do julgado no Recurso Repetitivo mais recente – possivelmente seja o RESP nº 1.459.779 – passou-se a considerar que, como as férias gozadas detêm natureza remuneratória para fins de imposto de renda, o terço de férias, por ser acréscimo patrimonial, também deteria, razão pela qual votou pelo indeferimento do pleito da associação, sendo que não houve divergência.

 

DEIXE UMA MENSAGEM

Please enter your comment!
Please enter your name here