Excesso de trabalho em Santa Rosa do Sul. Em Sombrio, previdência preocupa

0
286
Comarca de Sombrio

O SINJUSC começou a semana na estrada dialogando com trabalhadores de Santa Rosa do Sul e Sombrio. Nas conversas de ontem (25/03), a direção levou a campanha contra o assédio moral e entregou uma cartilha produzida  pelo psicólogo Mateus Graoske, além de convocar para o Congresso e luta contra a reforma da previdência.

Os trabalhadores de Santa Rosa do Sul relataram ao sindicato sobre o excesso de trabalho que existe na comarca, da excessiva produtividade que o próprio CNJ faz, e pelo fato de, sendo uma comarca inicial, ter uma constante troca de magistrados, o que dificulta a continuidade de um padrão. O Sindicato colheu os relatos e se colocou à disposição para intermediar.

Mais do que informar e formar, o sindicato prioriza que as violências morais no trabalho não podem ser enfrentadas sozinhas. É preciso identificar o assediador e seus métodos, se organizar coletivamente e chamar o sindicato para dialogar. O objetivo é um local de trabalho mais saudável e de convivência harmônica entre trabalhadores e chefias.

Reforma da previdência

Em Sombrio, a preocupação dos colegas é  com a reforma da previdência. Muitas dúvidas foram expostas e o Sindicato reforçou que o projeto ataca também o serviço público e que o único caminho, é a Luta contra. Muitas ações estão sendo feitas para barrar o projeto, você também pode colaborar pressionando os deputados pela rejeição. Clique aqui e saiba como.

Congresso e PCS

Nas idas às comarcas, o Sindicato também amplia a convocação para grande participação no Congresso Estadual, que está com inscrições abertas. Clique aqui e faça a sua. Na pauta, um caminho viável para aprovar o PCS.

Hoje (26/03), a agenda segue por Meleiro, Turvo e Forquilhinha. Participe das reuniões com o Sindicato. Debata assuntos de interesse seu e de seus colegas. Faça suas críticas. E com  todos juntos, participe do Congresso.

Comarca de Sombrio
Comarca de Santa Rosa do Sul

DEIXE UMA MENSAGEM

Please enter your comment!
Please enter your name here